1. Yaqui Delgado Quer Quebrar a Sua Cara, Meg Medina
Sinopse: Uma garota surge de repente no caminho da adolescente Piddy Sanchez para avisá-la de que Yaqui Delgado vai acabar com ela. Piddy acabou de mudar de escola e nem faz ideia de quem seja Yaqui, muito menos do que pode ter feito de tão errado para apanhar. Mas Yaqui sabe quem ela é, e a odeia. Piddy Sanchez não tem descanso. Ser filha de uma imigrante cubana nos Estados Unidos e crescer sem pai já era bem difícil sem ter alguém a odiando. No ensino médio da nova escola, seu corpo atraente desperta tanto os olhares dos meninos quanto o da esquentada Yaqui, que começa atacando a novata com ameaças cruéis, mas demonstra ser capaz de muito mais que isso, tornando a vida de Piddy um verdadeiro inferno dominado pelo medo. Denunciar Yaqui não é uma opção. Fugir não adianta. O importante agora é sobreviver.

* Esse é um livro que aborda um tema bem presente na vida da maioria dos adolescentes que é o bullying. Escolhi esse livro porque gosto de dramas e de ver como os autores abordam esses tipos de temas. Inclusive já li esse livro, foi a primeira leitura do ano e em breve eu venho aqui com a resenha. 

2. It - A Coisa, Stephen King
Sinopse: Durante as férias escolares de 1958, em Derry, pacata cidadezinha do Maine, Bill, Richie, Stan, Mike, Eddie, Ben e Beverly aprenderam o real sentido da amizade, do amor, da confiança e... do medo. O mais profundo e tenebroso medo. Naquele verão, eles enfrentaram pela primeira vez a Coisa, um ser sobrenatural e maligno que deixou terríveis marcas de sangue em Derry. Quase trinta anos depois, os amigos voltam a se encontrar. Uma nova onda de terror tomou a pequena cidade. Mike Hanlon, o único que permanece em Derry, dá o sinal. Precisam unir forças novamente. A Coisa volta a atacar e eles devem cumprir a promessa selada com sangue que fizeram quando crianças. Só eles têm a chave do enigma. Só eles sabem o que se esconde nas entranhas de Derry. O tempo é curto, mas somente eles podem vencer a Coisa. Em 'It - A Coisa', clássico de Stephen King em nova edição, os amigos irão até o fim, mesmo que isso signifique ultrapassar os próprios limites.
* Quero ler esse livro por três motivos: 1º porque é terror, 2º porque é Stephen King e nunca li nada dele e 3º porque vai ser um desafio já que são mais de 1000 páginas ( foco, força e fé hahahahaha). O pessoal só fala bem desse livro, então resolvi que esse ano vai. Aliás eu já comecei a leitura, queria terminar esse mês ainda, mas não sei se conseguirei.

3. A Outra Face, Sidney Sheldon
Sinopse: Aclamado pelo New York Times como o romance do ano e vencedor do Edgar Allan Poe — um dos mais importantes prêmios para escritores de mistério —, a estreia de Sidney Sheldon na literatura com A outra face mostrou o que vários best sellers, críticos e milhares de leitores confirmariam anos adiante: Sheldon possui uma habilidade única para desnudar o que passa pelo coração dos homens e mulheres. O escopo emocional dos personagens, suas ambições, seus desejos mais secretos, transparece aqui com incrível clareza e complexidade. Duas pessoas próximas ao prestigiado psicanalista Judd Stevens foram mortas. Subitamente, ele se vê envolvido em uma ardilosa série de assassinatos. Seria o criminoso um de seus pacientes? Talvez um neurótico movido por uma louca compulsão? Entre os suspeitos estão uma atriz decadente e ninfomaníaca, um pai de família com tendências homossexuais, um empresário problemático, uma jovem misteriosa e, por que não, até mesmo o próprio Dr. Stevens... Se não conseguir penetrar na mente deste perigoso assassino, o psicanalista pode ser preso. Ou, algo ainda mais aterrador, ele pode ser a próxima vítima. Antes que o assassino volte a atacar, Dr. Stevens precisa revelar sua identidade e expor suas emoções, medos e desejos. Uma história envolvente de enigma e suspense, A outra face é mais um inesquecível thriller de Sidney Sheldon.
* Lógico que teria meu autor favorito nessa lista, tenho um projeto de ler todos os livros publicados aqui no Brasil do Sidney, amo a escrita e as histórias que ele cria, um autor incrível, recomendo muito os livros dele para quem gosta de suspense.

4. Lolita, Vladimir Nabokov
Sinopse:Lolita é um dos mais importantes romances do século XX. Polêmico, irônico, tocante, narra o amor obsessivo de Humbert Humbert, um cínico intelectual de meia-idade, por Dolores Haze, Lolita, 12 anos, uma ninfeta que inflama suas loucuras e seus desejos mais agudos. A obra-prima de Nabokov, agora em nova tradução, não é apenas uma assombrosa história de paixão e ruína. É também uma viagem de redescoberta pela América; é a exploração da linguagem e de seus matizes; é uma mostra da arte narrativa em seu auge. Através da voz de Humbert Humbert, o leitor nunca sabe ao certo quem é a caça, quem é o caçador. Nabokov compôs a maior parte do manuscrito - que ele mesmo chamou de "bomba-relógio" - entre 1950 e 1953. Nos dois anos seguintes, ouviu recusas de cinco editoras norte-americanas ("pura pornografia", disse-lhe uma). Em 1955, foi finalmente aceito por uma obscura editora francesa, a Olympia Press. Em junho, assinou o contrato; em outubro, recebeu os primeiros exemplares, cheios de erros tipográficos. O livro inicialmente não foi bem-recebido; uma revista pensou em publicar trechos, mas foi desaconselhada por advogados. No início de 1956, sua sorte mudou. Graham Greene havia colocado Lolita entre os melhores livros de 1955 numa edição do Sunday Times. A repercussão cresceu; em agosto de 1958, foi finalmente publicado nos EUA. Em setembro, alcançou o primeiro lugar na lista de mais vendidos. O sucesso faria com que Nabokov deixasse de dar aulas para viver apenas de sua literatura.
* Esse livro era para eu ter lido no ano passado, cheguei a começar a leitura, mas na época estava sem tempo e acabei abandonando, pretendo ler esse ano, é um clássico né, apesar de polêmico.

5. Serial Killers: Anatomia do Mal, Harold Schechter
Sinopse: O que faz gente aparentemente normal começar a matar e não parar mais? O que move – e o que pode deter – assassinos em série como Ed Gein, o psicopata americano que inspirou os mais célebres maníacos do cinema, como Norman Bates (Psicose), Leatherface (O Massacre da Serra Elétrica) e Hannibal Lecter (O Silêncio dos Inocentes). Como explicar a compulsão por matar e o prazer de causar dor, sem qualquer arrependimento? De onde vem tanta fúria? As respostas estão no novo lançamento da editora DarkSide Books: 'Serial Killers – Anatomia do Mal', dossiê definitivo sobre o universo sombrio dos psicopatas mais perversos da história. Escrito por Harold Schechter – que pesquisa o tema há mais de três décadas, o livro é referência fundamental a todos os que se interessam pelo universo da investigação e da criminologia. Em 'Serial Killers, Anatomia do Mal' você vai descobrir como eles matam e por que eles matam. Pontuado por curiosidades macabras, dados científicos e fatos pouco conhecidos sobre a trajetória e a mente dos principais criminosos em série dos Estados Unidos, O livro de Schechter abrange desde a criação do termo serial killer no início do século 20 até o fascínio exercido por matadores seriais na cultura pop (cinema, música, literatura). Histórias reais, assassinos reais, de uma maneira que você nunca viu, estudados com profundidade, rigor científico e conhecimento psicológico. Um livro que vai atrair a atenção dos fãs das séries CSI, Dexter, Criminal Minds e do Canal Discovery Investigation e de todos aqueles que que querem entender o que se passa na mente dos assassinos mais temidos e cruéis de todos os tempos. Sem dúvida, oriundos de um sociedade que precisa repensar urgentemente como cicatrizar essas feridas abertas.

* Esse livro eu comecei a ler em outubro mais ou menos, e a cada mês leio um pouco, ele é mais um livro informativo e que fala tuuuuudo sobre serial killers, é bem completo. E, como eu faço Direito e gosto bastante da área criminal e desse assunto eu leio com bastante calma para absorver o conteúdo, mas pretendo finalizar esse ano a leitura.

6. Por Lugares Incríveis, Jennifer NivenSinopse: Violet Markey tinha uma vida perfeita, mas todos os seus planos deixam de fazer sentido quando ela e a irmã sofrem um acidente de carro e apenas Violet sobrevive. Sentindo-se culpada pelo que aconteceu, Violet se afasta de todos e tenta descobrir como seguir em frente. Theodore Finch é o esquisito da escola, perseguido pelos valentões e obrigado a lidar com longos períodos de depressão, o pai violento e a apatia do resto da família. Enquanto Violet conta os dias para o fim das aulas, quando poderá ir embora da cidadezinha onde mora, Finch pesquisa diferentes métodos de suicídio e imagina se conseguiria levar algum deles adiante. Em uma dessas tentativas, ele vai parar no alto da torre da escola e, para sua surpresa, encontra Violet, também prestes a pular. Um ajuda o outro a sair dali, e essa dupla improvável se une para fazer um trabalho de geografia: visitar os lugares incríveis do estado onde moram. Nessas andanças, Finch encontra em Violet alguém com quem finalmente pode ser ele mesmo, e a garota para de contar os dias e passa a vivê-los.* Por Lugares Incríveis eu tenho na minha estante já faz um tempo e até hoje não sei porque ainda não li, sei que é o tipo de livro que vou gostar : dramático e emocionante. Espero não me decepcionar.

7. Assassinato no Expresso do Oriente, Agatha Christie
Sinopse: Nada menos que um telegrama aguarda Hercule Poirot na recepção do hotel em que se hospedaria, na Turquia, requisitando seu retorno imediato a Londres. O detetive belga, então, embarca às pressas no Expresso do Oriente, inesperadamente lotado para aquela época do ano.O trem expresso, porém, é detido a meio caminho da Iugoslávia por uma forte nevasca, e um passageiro com muitos inimigos é brutalmente assassinado durante a madrugada. Caberá a Poirot descobrir quem entre os passageiros teria sido capaz de tamanha atrocidade, antes que o criminoso volte a atacar ou escape de suas mãos.
* Até hoje eu só li um livro da Agatha que foi E Não Sobrou Nenhum, e é um dos meus livros favoritos, me marcou muito. Depois disso fiquei na maior curiosidade para ler mais coisas da autora porque ela escreve nessa temática investigativa, romance policial e suspense, e eu gosto muito de livros desse jeito, então escolhi o Assassinato no Expresso do Oriente como meta para ler esse ano.

8. O Acordo, Elle Kennedy

Sinopse: Hannah Wells finalmente encontrou alguém que a interessasse. Mas, embora seja autoconfiante em vários outros aspectos da vida, carrega nas costas uma bagagem e tanto quando o assunto é sexo e sedução. Não vai ter jeito: ela vai ter que sair da zona de conforto… Mesmo que isso signifique dar aulas particulares para o infantil, irritante e convencido capitão do time de hóquei, em troca de um encontro de mentirinha.
Tudo o que Garrett Graham quer é se formar para poder jogar hóquei profissional. Mas suas notas cada vez mais baixas estão ameaçando arruinar tudo aquilo pelo qual tanto se dedicou. Se ajudar uma garota linda e sarcástica a fazer ciúmes em outro cara puder garantir sua vaga no time, ele topa. Mas o que era apenas uma troca de favores entre dois opostos acaba se tornando uma amizade inesperada. Até que um beijo faz com que Hannah e Garret precisem repensar os termos de seu acordo.
* Tinha que ter um New Adult nessa lista, amo o gênero e O Acordo foi um livro bem comentado em 2016 , muita gente falando positivamente do livro e acredito que irei gostar.


9. O Exorcista, William Peter Blatty

Sinopse: O mal toma várias formas. E a literatura e o cinema parecem se desafiar a criar inúmeras personificações desse mal. Seja com monstros, formas deformadas de nós mesmos, ou demônios, a indústria do entretenimento sempre foi bem-sucedida em representar a essência do nosso lado mais reprovável. O exorcista, no entanto, conseguiu ultrapassar esse limite.Inspirado em uma matéria sobre o exorcismo de um garoto de 14 anos, o escritor William Peter Blatty publicou em 1971 a perturbadora história de Chris MacNeil, uma atriz e mãe que está filmando em Georgetown e sofre com as inesperadas mudanças de comportamento de sua filha de 11 anos, Regan. Quando a ciência não consegue descobrir o que há de errado com a menina e uma nova personalidade demoníaca parece vir à tona, Chris busca a ajuda da Igreja no que parece ser um raro caso de possessão demoníaca. Cabe a Damien Karras, um padre da universidade de Georgetown, salvar a alma de Regan, enquanto tenta restabelecer sua fé, abalada desde a morte de sua mãe.Em O exorcista, Blatty conseguiu dar ao demônio a sua face mais revoltante: a corrupção da alma de uma criança. A jovem Regan é, ao mesmo tempo, o mal e sua vítima. Ela recebe a pena e a revolta dos leitores e espectadores em doses equivalentes e, mesmo quarenta anos depois, seu sofrimento e o abismo entre o que ela era e o que se torna continuam nos atormentando a cada página, a cada cena. Até, enfim, descobrirmos que não se trata apenas de uma simples história sobre o bem contra o mal. Ou sobre Deus contra o demônio. Mas sobre a renovação da fé.
* Gente olha essa capa (medooooo), estou super-hiper-mega ansiosa para ler esse livro, quero saber se dá medo mesmo hahahahahaha.


10.Imperfeitos, Cecelia Ahern
Sinopse: Celestine North vive em uma sociedade que rejeita a imperfeição. Aqueles que praticam algum ato julgado como errado são marcados para sempre, excluídos da comunidade, seres não merecedores de compaixão. Por isso, Celestine procura viver uma vida perfeita. É um exemplo de filha e de irmã, uma aluna excepcional, adorada por todos do colégio, além do mais, ela namora Art Crevan, filho da autoridade máxima da cidade. Em meio a essa vida perfeita, Celestine se encontra em uma situação incomum, que a faz tomar uma decisão instintiva. Ela faz uma escolha que pode mudar o futuro dela e das pessoas a seu redor. Ela pode ser presa? Pode ser marcada? Poderá se tornar, do dia para a noite, Imperfeita? Nesta distopia deslumbrante, Cecelia Ahern retrata uma sociedade em que a perfeição é primordial, e quem cometer qualquer ato falho será punido.

* Esse livro me chamou a atenção desde que a Novo Conceito anunciou seu lançamento, é uma distopia, e com relação à esse gênero eu li pouquíssimas coisas, e não é qualquer livro que me agrada não. Mas, estou com expectativas altas nesse daqui, e já vi muita gente que leu e gostou, então vamos ver o que irei achar.


Então galera, essa é a minha meta para esse ano, tomara que eu consiga cumprir. Vocês fizeram alguma meta literária? Tem algum livro dessa lista que vocês já leram ou querem ler?
- Beijos, Carol! 





8 Comentários

  1. Oi, Carol!
    Já li O Acordo e acho que você vai adorar!
    Também quero ler Yaqui Delgado esse ano.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Lu, todo mundo tá falando bem de O Acordo, quero ver se consigo ler nas férias ainda, Yaqui fazia um tempo que eu queria ler, acho que desde quando foi anunciado o lançamento.
      - Beijos, Carol!

      Excluir
  2. Oiee Carol, ja li vários livros dessa listinha, menos os de terror haha. Mas, acho que esse ano vou dar uma chance a It- Stephen King
    beijos,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Bia, dá uma chance sim para It, é um livro imenso, mas por enquanto eu estou gostando bastante.
      - Beijos, Carol!

      Excluir
  3. Oi xará!
    Tomara que vc curta Assassinato no Expresso Oriente, foi o único livro dela que eu abandonei, rsrs. E não sobrou nenhum é o meu favorito tbm! <3
    Queria eu conseguir ler tds os livros dela e do Sidney Sheldon, sonho! haha
    Stephen King é outro que eu preciso conhecer!
    Bjs
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii xará, King eu morria de curiosidade de ler, resolvi que já iria começar por It, e apesar do livro ser imenso estou gostando bastante. Tomara que eu não me decepcione com a Agatha.
      - Beijos, Carol!

      Excluir
  4. Oi, Carol!
    Não tenho nenhuma meta literária feita, mas o que eu mais quero esse ano é completar séries inacabadas, espero que eu consiga!
    Eu li It já e não foi uma tarefa muito fácil. É preciso ter persistência. Comecei durante as férias e levou duas semanas (me forcei a ler no mínimo 50 páginas por dia). Quero muito ler Assassinato no Expresso Oriente, principalmente porque soube q vai ter um filme! Eu amo também E Não Sobrou Nenhum assim como vários outros livros da autora (que gostaria de ler mais). Tenho vontade de ler também O Exorcismo, já que queria muito ler algo que me desse medo hahaha
    Boa sorte com sua meta ;)
    Bjs!

    -Ricardo, Lapso de Leitura

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Ricardo, não faço metas também não, esse ano foi a primeira vez que eu fiz, vamos ver como vou me sair (me deseje sorte hahahahahaha), com relação a It é um livro que realmente precisa ter persistência. Sério que esse livro da Agatha vai virar filme? não sabia não, que legal, mais um motivo para ler então. Espero que O Exorcismo me dê medo hahahahahaha
      - Beijos, Carol!

      Excluir